Fortaleza derrota líder Internacional-RS e pula para a 9ª posição do Brasileirão

O Fortaleza conseguiu uma ótima vitória neste sábado, abertura da rodada 11 do Campeonato Brasileiro. Com um belo gol do volante Felipe, no segundo tempo, a equipe bateu o líder Internacional por 1 a 0, no Castelão, e chegou ao 15 pontos na competição, somando seu quarto triunfo no torneio. Já o Inter segue com 20 pontos, somando duas derrotas seguidas.

O primeiro tempo da partida foi de baixa criatividade ofensiva das equipes, muito mais competentes e organizadas para destruir do que para construir. Com David, Osvaldo, Romarinho e Wellington Paulista apagados, o Fortaleza conseguiu apenas duas chances importantes. Na primeira, aos 18 minutos, Felipe arriscou de fora da área e a bola saiu raspando a trave de Marcelo Lomba. A outra foi com Marlon. Lançado por Juninho, o jogador perdeu boa oportunidade de cabeça, aos 29 minutos. No mais, o time perdeu muito a posse de bola e não conseguiu impor velocidade nos contra-ataques.

Pelo lado do Inter, que entrou em campo com apenas cinco titulares e teve quase 60% de posse de bola – mas com pouca efetividade para finalizar – Leandro Fernández foi o jogador que mais perigo levou ao gol de Felipe Alves. No principal lance, ele se livrou de Paulão e chutou rasteiro, com bastante perigo, aos 23 minutos. Ainda na primeira etapa, ambas equipes perderam jogadores com problemas musculares. Quintero sentiu a virilha e Patrick contusão na coxa. Entraram Jackson e Nonato, respectivamente em Fortaleza e Inter.

No segundo tempo o Inter voltou com D’Alessandro e foi do argentino – agora cidadão brasileiro – a jogada da primeira chance, após ótimo passe para Leandro Fernández, que finalizou com defeito, aos 10 minutos. Com mais posse de bola, o Fortaleza rodava a bola no campo ofensivo, mas não conseguia finalizar. Aos 20 minutos, entretanto, saiu o gol do Tricolor. Cobrança de lateral, a zaga do Inter afastou mal e Felipe, da entrada da área, acertou lindo chute, de primeira, sem chance para Marcelo Lomba.

Buscando empatar a partida, Eduardo Coudet, técnico do Inter, fez entrar Boschilia e Abel Hernandez. Imediatamente o Inter passou a ocupar mais seu campo ofensivo, enquanto o Fortaleza buscava o contra-ataque, especialmente com Romarinho. Para tentar ter mais a bola perto da área adversária, Rogério Ceni sacou Wellington Paulista e Osvaldo para as entradas de Ronald e Yuri César e o time ganhou mais fôlego para responder ao Inter.

Nos minutos finais de partida (que teve oito de acréscimo), o sistema defensivo do Fortaleza se portou bem, com segurança, sem permitir oportunidades reais para o Inter.

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *