Castanhão subiu quase um metro em 24 horas e conta com o maior aporte do período

açude Castanhão subiu 0,90 metro entre esse sábado, 28, e este domingo, 29, representando 9,12% do percentual. Foram recebidos 50 milhões de m³ nesse período. O volume é um pouco menor do que o registrado no último domingo, 22, com 0,98 metroMaior açude do Ceará, Castanhão é responsável pelo abastecimento de municípios do Vale do Jaguaribe e da Grande FortalezaHá 20 dias, ele estava com apenas 3,2% da sua capacidade.

Dos 155 reservatórios monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), o Ceará tem hoje 64 açudes em situação crítica, com menos de 30% da capacidade de armazenamento.

Também nas últimas 24 horas, o Banabuiú, localizado no município de mesmo nome, subiu 0,08 metro. No mesmo intervalo de tempo, Orós, no leito do rio Jaguaribe, registrou 0,39 metro. Ao lado do Castanhão, ele tem se mantido entre os maiores aportes. Foram cerca de 15 milhões de m³ registrados nesse sábado e mais de 60 milhões de m³ registrados nos últimos sete dias.

A resenha diária do monitoramento deste domingo destaca, dentre os 33 açudes sangrando, o açude São José I, que começou a sangrar. A resenha de ontem apontou o Carnaubal, na região noroeste do Estado, também começando a verter. Apenas seis reservatórios estão com capacidade acima de 90%: Araras, Cauhipe, Do Coronel, Penedo e Santo Antônio de Aracatiaçu. A Cogerh comunicou aportes em 80 açudes, enquanto a resenha desse sábado indicou aportes em 93 reservatórios.

A Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) registrou, neste ano, chuvas em 559 postos pluviométricos distribuídos em 184 municípios. O calendário de chuvas da Funceme aponta precipitação em 25 cidades (27 postos) neste domingo, conforme dados extraídos às 13h10min. As maiores chuvas foram em Mulungu (Posto: Mulungu, 24.0 mm), Acarape (Posto: Acarape, 22.0 mm) e Redenção (Posto: Acude Acarape Do Meio, 17.8 mm).

Please follow and like us:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *