Programa Dentro e Fora da Lei - ao vivo a partir das 9:45 da manhã,

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Um vereador cearense, do Município de Jardim (a 574Km de Fortaleza), está preso na Cadeia Pública da cidade de Cajazeiras, no Interior da Paraíba (PB), após ter sido condenado a 40 anos e 10 meses de prisão. Trata-se do ex-policial civil Francisco Renato Pereira Júnior, conhecido por “Júnior Sedrim” (PSB).

Na última quinta-feira (16), o político cearense foi levado a julgamento pelo Tribunal de Justiça da Paraíba e condenado por envolvimento em um caso de duplo assassinato ocorrido em 23 de fevereiro de 2010. Em 2017, ele chegou a ser preso pela Polícia Federal, acusado de envolvimento no assalto a duas agências bancárias na cidade de Missão Velha (a 521Km de Fortaleza).

Segundo os autos do processo, juntamente com o então PM José Alênio Leal Bezerra, “Júnior Sedrim” praticou um duplo homicídio no Município de Santana de Mangueira, situado na Região Metropolitana do Vale do Piancó (a 482Km de João Pessoa).

Aos dois ex-policiais mataram, a tiros, o casal Carlos Batista Pereira e Cícera Pereira da Silva. Segundo a acusação apresentada pelo Ministério Público da Paraíba (MP-PB), no dia do crime os acusados entraram na casa com a intenção de matar um filho do casal, mas como ele não estava, mataram os pais. Uma criança que tinha 2 anos de idade na época também foi baleada, mas sobreviveu.

Cassar o mandato

A sentença foi prolatada pelo juiz da 1ª Vara da Comarca de Conceição, Antônio Eugênio Leite Ferreira Neto. Os condenados não podem recorrer em liberdade. Com a condenação, o juiz pediu para que seja feita uma notificação à Câmara de Vereadores do Município de Jardim (CE), para que o vereador tenha o mandato cassado.

Ainda de acordo com o MPPB, a dupla execução sumária teve um mandante e foi motivada por brigas antigas entre famílias. Apesar disso, o mandante do crime ainda não foi identificado. Sem a identificação do autor intelectual do crime, o juiz determinou que o Ministério Público continue investigando o caso.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Um vereador, ex-secretário do ex-prefeito de Mucambo, foi preso por destruir provas em investigações contra um esquema de corrupção ativa e lavagem de dinheiro. A prisão preventiva de André Luis de Sousa Gonçalves aconteceu durante a madrugada desta quinta-feira (16) em Mucambo.

O suspeito é investigado por envolvimento em um susposto esquema de fraude em procedimentos licitatórios de locação de veículos para a Prefeitura de Mucambo.
Em novembro, o ex-prefeito do município de Mucambo chegou a ser preso através da operação comandada por 'Sales'.

A prisão do vereador foi realizada por agentes da Delegacia Municipal de Pacujá e por promotores do Grupo de Ações Especiais do Combate ao Crime Organizado (Gaeco), através do mandado expedido pela Justiça do Ceará.

Os investigadores descobriram que o vereador é citado nas investigações por ser o responsável por regularizar a documentação dos veículos. André ajustava a transferência dos carros para nome de outras pessoas, com o objetivo de esconder que eram de propriedades da Prefeitura.

O vereador foi levado para o Instituto Médico Legal (IML), em Sobral, para fazer exame de corpo de delito e em seguida será encaminhado para a delegacia.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Por unanimidade, o pleno do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) puniu a desembargadora Sérgia Miranda com a aposentadoria compulsória.

A magistrada foi denunciada pelo Ministério Público Federal (MPF) por suspeita de envolvimento no esquema de venda de decisões liminares nos plantões do Judiciário cearense.

Com a decisão, ela é obrigada a se aposentar, recebendo proventos proporcionais ao seu tempo de contribuição.

Em sessão que durou quase sete horas, todos os desembargadores que integram o colegiado acompanharam o voto do relator, Mário Teófilo, que recomendou a aposentadoria compulsória.

Foram 32 votos favoráveis à sanção máxima prevista no Processo Administrativo Disciplinar (PAD), aberto ainda em agosto do ano passado, quando a desembargadora foi afastada de suas funções pelo TJCE.

Antes disso, porém, o Superior Tribunal de Justiça (STJ), onde tramita ação penal contra Miranda na qual ela é ré, já havia afastado a magistrada, ainda em 2016.

A defesa nega que ela tenha concedido habeas corpus em seus plantões em troca de benefícios financeiros.

Sérgia Miranda foi denunciada pelo Ministério Público Federal (MPF) na Operação Expresso 150. Ela é acusada de corrupção passiva por suposto envolvimento na venda das liminares.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Um homem de 21 anos foi assassinado em uma parada de ônibus no bairro Vila Velha, em Fortaleza, na manhã deste sábado, 11. A vítima, que tinha acabado de roubar no mesmo local, tinha passagens anteriores pela polícia por roubo e receptação. As informações são da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Identificado como José Jonathan de Oliveira Marinho, ele estaria acompanhado de um comparsa no momento do homicídio. Profissionais do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) estiveram no local para atestar o óbito. Junto ao corpo de José Jonathan foi encontrado um simulacro de pistola, que foi recolhido para averiguação.

Equipes do Departamento de Homicidios e Proteção à Pessoa (DHPP) realizam buscas pelo comparsa da vítima, que fugiu do local. A DHPP também instaurou inquérito policial para apurar as circunstâncias do fato. A vítima do roubo praticado por José Jonathan também deve ser ouvida durante as investigações.

Denúncias

A população pode contribuir com as investigações repassando informações que possam auxiliar os trabalhos policiais. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), para o ‪(85) 3257-4807‬, do DHPP, ou ainda para o número ‪‪‪(85) 99111-7498‬, que é o WhatsApp do Departamento, por onde podem ser feitas denúncias via mensagem. O sigilo e o anonimato são garantidos.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O vereador Jorge Renaldo Nogueira Braga, PSDB, da câmara municipal de Baturité, lidera a caravana de vereadores da região do maciço que foi a Brasília participar da marcha dos  vereadores na capital federal da república. O novo presidente da União dos Vereadores do Ceará-UVC- Guto Mota, também no distrito federal aproveitou a oportunidade do encontro com Renaldo Braga e fez convite para que todos os vereadores da câmara municipal de Baturité participem da sua posse, que acontecerá no próximo dia 30, no auditório Murilo Aguiar, da assembléia legislativa do estado, a partir das 09;00hs. Em clima de festa, os vereadores querem assegurar conquistas para os poderes legislativos de todo o País junto ao governo de Jair Messias Boslonaro.

Copyright © 2019 Você por dentro de tudo. Todos os direitos reservados.
Partner by Joomla Perfect Templates