Programa Dentro e Fora da Lei - ao vivo a partir das 9:00 da manhã,

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

A menina de um ano e dez meses desaparecida desde as 14 horas da última terça-feira, 20, foi encontrada morta em Pacatuba nesta quarta-feira, 21. O corpo estava enrolado em um lençol e escondido em um matagal. Segundo a Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE), a mãe e o padrasto de Maria Esther Farias Campelo foram presos em flagrante.

Ana Cristina Farias Campelo, 25, e Franciel Lopes de macedo, 30, são os principais suspeitos do crime e estão detidos no 29º Distrito Policial, em Maracanaú. As informações iniciais repassadas pela família indicavam que a criança tinha sido raptada na rua Luiz Gonzaga, em Pajuçara, distrito de Maracanaú, Região Metropolitana de Fortaleza. Contudo, o rapto não foi confirmado pelas investigações.

"Na manhã de hoje (quarta-feira), a Polícia Civil localizou o corpo e prendeu o casal em flagrante. A ocorrência está em andamento. Mais informações serão divulgadas no decorrer do dia após a conclusão dos trabalhos policiais", informou em nota a corporação.

Na versão inicialmente contada pelos pais, um casal chegou em veículo de modelo Volkswagen Fox, quatro portas e cor preta, fumê moderado. Um homem de aproximadamente 1,80m de altura, armado, teria ameaçado o casal que estava com a criança (mãe e padrasto). Uma mulher deu suporte ao criminoso e tomou a criança. Receosa de que fizessem mal à menina, a mãe disse à Polícia que entregou a menina ao casal criminoso.

Copyright © 2019 Você por dentro de tudo. Todos os direitos reservados.
Partner by Joomla Perfect Templates