Programa Dentro e Fora da Lei - ao vivo a partir das 9:00 da manhã,

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O futebol neste final de semana entra em campo sem as emoções comuns que estamos acostumados em acompanhar. A que predomina é a tristeza pelo o que aconteceu no Centro de Treinamento do Flamengo nesta sexta-feira, 8. E o técnico Lisca admitiu isso na entrevista coletiva que concedeu após a vitória por 2 a 1 do Ceará sobre o Altos-PI pela Copa do Nordeste. O treinador garantiu que 'hoje foi no profissionalismo'.

"Estava difícil para se fazer futebol esse fim de semana. Hoje fomos no profissionalismo. Tecnicamente estávamos muito mal, taticamente foi muito abaixo. Tivemos a qualidade dos dois gols de fora da área, o que é importante. Isso que ficou de bom do jogo: a atuação da defesa, do Valdo, dos dois volantes e os gols. Importante a vitória, líder geral do Nordeste. Hoje vou dar uma perdoada nos jogadores. Claro que vamos avaliar, mas hoje foi no profissionalismo", declarou o gaúcho.

"Para quem conviveu na base, conheci o Flamengo, estive lá dentro, não é a primeira tragédia do futebol, aí você vê como acontece, os porquês, e isso mexe contigo. Hoje se pudesse escolher eu até transferiria essa rodada. Foi muito difícil para motivar, instigar os jogadores. O time está de parabéns pela vitória, jogo foi ruim mesmo. Mas vida que segue, bola para frente", acrescentou Lisca, que ainda se desculpou com a imprensa por não ter concedido entrevista na sexta-feira, 8.

SOBRE O JOGO

Lisca enxergou que a partida do Ceará foi abaixo do esperado. Entendeu que tatica e tecnicamente o time foi mal, em suas palavras. Também falou sobre o fato do time não ter conseguido treinar nessa semana, com viagens e jogo em Caruaru, além das mudanças que fez no time.

"Hoje foi o 36º dia de pré-temporada e o sexto jogo já. Essa semana não conseguimos treinar. Temos dificuldades com essas lesões, como Quixadá e Tiago, que vieram do ano passado e ainda não estrearem. Até o Diogo Silva, que iria jogar para dar uma maior adaptação ao Richard. Tivemos que acelerar essa entrada do goleiro", disse o técnico.

"[Mudanças foram por] Opção e necessidade. Eu já tinha falado pra vocês [da imprensa], os primeiros jogos um time e outros jogos um outro, mas com as dificuldades que iríamos enfrentar, teríamos que mesclar. Alterei os dois volantes no coração do time, porque o Edinho e Juninho se desgastaram muito na quarta [contra o Central-PE]. E aqui na frente colocamos Roger e Chico para descansar Feijão e Bueno. Talvez hoje se tivéssemos trocado todo mundo o rendimento teria sido outro", acrescentou.

SOBRE AUREMIR, NOVO CONTRATADO

"Auremir chegou, treinou duas vezes conosco, mas foi mais por precaução da ficha que dá autorização dele jogar, de saber se tem alguma punição. O clube pediu para dar uma segurada e eu acatei. Mas já chegou e ele está ok para jogar no meio de semana. Vamos analisar qual vai ser a estratégia para os jogos de quarta e sábado."

Copyright © 2019 Você por dentro de tudo. Todos os direitos reservados.
Partner by Joomla Perfect Templates