Programa Dentro e Fora da Lei - ao vivo a partir das 9:00 da manhã,

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Pela terceira rodada da Copa do Mundo Feminina, nesta terça-feira, o Brasil bateu a Itália por 1 a 0 e garantiu vaga nas oitavas de final. Com gol de Marta, de pênalti, a equipe de Vadão chegou aos seis pontos e assegurou a classificação como terceira colocada.

A primeira etapa foi bem equilibrada em Valenciennes, com chances para os dois lados, mas o 0 a 0 persistiu no placar. Quem chegou com mais perigo, logo aos cinco minutos, foi a Itália. Bonansea fez jogada individual e bateu na entrada da área, mas Bárbara caiu no cantinho para fazer boa defesa.

A resposta do Brasil foi em cobrança de escanteio. Aos 17 minutos, Marta cobrou o tiro de canto no primeiro pau e Debinha apareceu para completar de letra, mas a goleira Giuliani impediu o golaço brasileiro. A Itália ainda teve mais uma chance com Bonansea, mas Bárbara defendeu mais uma vez.

Já no segundo tempo, a Seleção Brasileira começou assustando logo aos seis minutos, com cobrança de falta de Andressinha, que mandou a bola no travessão.

Aos 26 minutos, veio o gol do Brasil. Debinha fez jogada individual e foi derrubada dentro da área. A arbitragem assinalou pênalti, e na cobrança Marta bateu firme deslocando a goleira para marcar o gol da vitória.

Marta chegou aos 17 gols e tornou-e a maior artilheira em Copas do Mundo, superando o alemão Miroslav Klose.

Com as duas seleções classificadas, não houveram mais grandes chances na partida.

Enquanto isso, no outro jogo do grupo, a Austrália não teve dificuldades para bater a Jamaica por 4 a 1, e também garantiu a sua classificação. Todos os gols australianos foram marcados por Kerr, enquanto Havana Solaun marcou para as jamaicanas.

Com os resultados, as três classificadas do grupo terminaram com seis pontos. A Itália classificou-se em primeiro com cinco gols de saldo. O segundo lugar ficou com a Austrália, que levou vantagem nos gols marcados, enquanto o Brasil ficou na terceira colocação.

Nas oitavas, o Brasil enfrenta Alemanha ou França, dependendo dos jogos dos outros grupos D, E e F.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enviou cerca de 700 convites para a cerimônia de diplomação do presidente eleito Jair Bolsonaro e de seu vice Hamilton Mourão, nesta segunda-feira (10), a partir das 16h.

Os diplomas são assinados pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber, que abre a sessão solene e indica dois ministros para conduzirem os eleitos ao plenário.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

Estudo de pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos (EUA), mostrou relações entre o uso de redes sociais, mais especificamente o Facebook, e o comportamento de pessoas viciadas. A pesquisa foi divulgada no Periódico de Vícios Comportamentais.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enviou cerca de 700 convites para a cerimônia de diplomação do presidente eleito Jair Bolsonaro e de seu vice Hamilton Mourão, nesta segunda-feira (10), a partir das 16h.

Os diplomas são assinados pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber, que abre a sessão solene e indica dois ministros para conduzirem os eleitos ao plenário.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enviou cerca de 700 convites para a cerimônia de diplomação do presidente eleito Jair Bolsonaro e de seu vice Hamilton Mourão, nesta segunda-feira (10), a partir das 16h.

Os diplomas são assinados pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber, que abre a sessão solene e indica dois ministros para conduzirem os eleitos ao plenário.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enviou cerca de 700 convites para a cerimônia de diplomação do presidente eleito Jair Bolsonaro e de seu vice Hamilton Mourão, nesta segunda-feira (10), a partir das 16h.

Os diplomas são assinados pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber, que abre a sessão solene e indica dois ministros para conduzirem os eleitos ao plenário.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) enviou cerca de 700 convites para a cerimônia de diplomação do presidente eleito Jair Bolsonaro e de seu vice Hamilton Mourão, nesta segunda-feira (10), a partir das 16h.

Os diplomas são assinados pela presidente do TSE, ministra Rosa Weber, que abre a sessão solene e indica dois ministros para conduzirem os eleitos ao plenário.

0
0
0
s2smodern
powered by social2s

O terceiro dia da marcha dos vereadores em Brasília teve participação dos precidenciáveis Geraldo Alckmim, do PSDB, e Jair Bolsonaro, PSL. O ex-governador de São Paulo foi ovacionado. Na última palestra da XVI marcha dos vereadores sobre a capital da república, o presidenciável do PDT, ex-governador do Ceará e ex-ministro dos governos Itamar Franco e Luiz Inácio Lula da Silva, Ciro Ferreira Gomes, deixou a todos os participantes do seminário atônitos com a sua capacidade de abordar as grandes questões nacionais, bem como os problemas que dizem respeito aos vereadores e a sinalização para que o país saia da crise em que está mergulhado.Ao final da palestra Ciro foi delirantemente aplaudido.

Copyright © 2019 Você por dentro de tudo. Todos os direitos reservados.
Partner by Joomla Perfect Templates